sábado, 29 de novembro de 2014

13 - REFLEXÕES DE G.F. * O desaforo




Quem tem olhos, que veja!

Quem tem ouvidos, que ouça!

Exortações antigas que conheço desde que me aventurei na leitura dos textos bíblicos. Excelentes exortações, concedo, até porque muito convém sabermos o que se passa. É verdade, quem anda distraído neste mundo de cristo sem cristo, está perdido se não decidir optar por uma postura atenta!

Se tudo isto convém, não é menos verdade que vamos ouvindo, aqui e ali, confidências que nos desgostam e melhor seria não as termos ouvido…

Ou vamos vendo, também aqui e ali, o que teríamos desejado não ver… porque «olhos que não vêem, coração que não sente»… (Ah, este rifão cruel, tão cruelmente verdadeiro, quantas vezes!...)

Nesta altura da vida, vida já longa, decidi afastar-me, na esperança de me poupar a desgostos. Mas sempre alguma situação se me depara abruptamente; sempre alguma inconfidência insolitamente me chega… E fico triste, mais triste ainda, por mim e pelos outros. Pelos outros que esperam e desesperam; pelos outros que confiam até ao desespero da frustração!

O desaforo implantou-se.

Como já tenho obrigação de saber, «um homem sozinho não vale nada». E porque estou sozinho, logo nada valendo, suporto o desaforo. Suporto porque não tenho alternativa.

Tempos virão, porque a decadência não é o fim da História, mas apenas a desagregação duma situação, dum tempo que morre, dum tempo que morre sem deixar saudades… Tempos virão e com eles quem nos julgará e condenará.

E aqui será obrigatório citar Brecht? Se sim, oxalá que os vindouros, quando nos julgarem, nunca esqueçam o tempo escuro a que escaparam...

-/-

Gabriel de Fochem
27 de Novembro de 2014.
Alentejo*Portugal

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

A QUESTÃO MATRICIAL: AS CORRUPÇÕES A NÍVEL DOS PODERES CENTRAL,REGIONAL E LOCAL SÃO TERRORISMO CONTRA A MÁTRIA.

                           HOJE!



Nada do que está a acontecer é o fim da História, poderá ser um reinício,todavia, os perigos são maiores do que a possibilidade da aventurada liberdade: os coiotes,os abutres espreitam e,vão vencendo.

A história felizmente não acabou nem no Mundo,nem em Portugal, mas  a história - quando se escrever com a liberdade,a dignidade,o desenvolvimento,a justiça -varrerá da face do Mundo  toda a BANDIDAGEM UNIVERSAL que tanto mal faz a milhões de pessoas.

Infelizmente, a história da Liberdade, da verdade está muito,muito atrasada. Infelizmente, vencem os inimigos da humanidade e do homem:os vis traidores,os que escravizam o povo, os que fazem do povo formigas,ou baratas tontas para os seus projectos satânicos. Eis os vencedores,nos passados e nos presentes.

Mudemos os Futuros!

A derrota da REVOLUÇÃO da liberdade e da humanidade,tem, entre nós, como seus  amaldiçoados fazedores:

 - os militares do MFA que o traíram em 7 e 11 de Março 75, e, sobretudo, no 25 Novembro 75;

- os militares do MFA  que defraudaram o ideal de Abril, através dos seus vínculos de militância;

 -os exploradores com a sua representação  politica no PSD e CDS; 

- e TRAGICAMENTE- a maior tragédia -  a traição burguesa e elitista representada pelo  PS, nas suas sucessivas alianças com os mais ferozes inimigos do povo,dos trabalhadores e das classes médias(baixa e média-média,ou seja, as gentes dos serviços, militares,  professores e uma grande faixa dos médicos,enfermeiros etc).

Entre nós,nesta hora trágica,  se houver qualquer desfocagem desta realidade e os socialistas -socialistas não mudarem de rumo, e se não se associarem e motivarem a Revolução da LIBERDADE, Da MORALIDADE vamos Acabar Mal.Vamos para o limbo infernal de uma ditadura,que também a eles, socialistas do PS, e às gentes livres vitimará.

Espero que as Forças Armadas, na defesa da Constituição, estejam atentas e ajam,em tempo, para evitar as derivas  TOTALITÁRIAS. Portugal seguirá, como sempre, a Bandeira Portuguesa,o Hino Nacional e a luminosidade da LIBERDADE, Que as Forças Armadas nunca o esqueçam!!!!!??????

Todavia, o novo parto de Portugal exige que se  afaste todos os corruptos, ditadores, propagandistas,inimigos do povo,da dignidade humana de todos os níveis de poder: politico, institucional,  religioso, cultural, informativo, educacional,sindical ,em todas as suas instâncias nacional,regional e local.

O RENASCIMENTO DE PORTUGAL ,da EUROPA exigiria uma REVOLUÇÃO  POLÍTICA-MILITAR -MORAL-CIVILIZACIONAL que, nesta hora, não tem condições para se efectivar.

Porém,todavia, contudo...,em Portugal, poderia e deveria iniciar-se,no campo politico,a  revolução politica e da moralidade,com um objectivo CLARO,bem definido de com as eleições presidenciais eleger a figura que Portugal precisa- um Condestável da Mátria - um grão-capitão :um concidadão militar,por ser o mais equidistante da porca venda dos favores políticos e da CORRUPÇÃO  financeira, ideológica e moral,que neste lodaçal Pátrio crassa:

LIBERDADE OU INFERNO?

HOJE LUTO,INFERNO VAH(mos) AMANHÃ REVOLUÇÃO!???????? OU DE NOVO LUTO, INFERNO.

andrade da silva





                                                  AMANHÃ????????????????


terça-feira, 25 de novembro de 2014

ONTEM ,25 NOVEMBRO 75; HOJE, 25 NOVEMBRO 2014, AMANHÃ SERÁ PORTUGAL, SE TU...

ONTEM


ONTEM
HOJE
                                     


o vivo no passado,digo, é no presente com provas que eles, os construtores destes  hojes, foram,desde sempre,uns GFP e, construíram este  presente porco, logo, não devemos permitir que construam um Futuro que seja a continuidade do passado.

                              

Trago o passado à luz do dia, para dizer: eis a marca- de- água,o DNA destes "coiotes", logo, que esperam? 

Com esta gente será sempre tempo de vésperas.

Eles são estes,eles são aqueles, eles são muitos, eles cantam e seduzem,eles mentem e convencem,eles rezam e convertem; eles odeiam, de um ou outro modo, a liberdade,as mulheres e os homens livres.Eles só querem escravos ao serviço de qualquer esquizofrenia :   ganância ou burocracia
                                                                                                                                                                   Conhecer o DNA desta  gente é importante, para não ser barata tonta na emboscada  da morte que a ti, a mim,a nós montaram, que para eles tem tido muito bom sucesso, até quando?

Até que mais de 2 ,3 milhões de portugueses deixem de ser indiferentes, comandados pelas centrais de intoxicação e, então, já,como gente livre, sob a Bandeira da DIGNIDADE, do DESENVOLVIMENTO e da  LIBERDADE VENÇAM O INFERNO,A GRUTA,A NOITE , e vivam o alvorecer da manhã,mais matinal de sempre que alvorece, e NÓS ADOLESCEMOS!

PORTUGAL! PORTUGAL!

andrade da silva

PS:Na corrupção a lista pode atingir 10.000 políticos das duas últimas décadas,logo... Sócrates será 1/10.000 com particulares responsabilidades, mas o facto é que o sistema politico está PODRE.,ponto

                  HOJE
HOJEH
HOJE



HOJE





AMANHÃ
AMANHÃ


segunda-feira, 24 de novembro de 2014

DIÁRIO DE GUERRA




FAÇO A MINHA PARTE, QUE É CUSTOSA, QUE CADA PORTUGUÊS HONRADO E DIGNO FAÇA A SUA E NESTE TEMPO DE LIXO MORAL, CIDADÃO E CIVILIZACIONAL, OIÇAM ALGUMA VOZ LÍMPIDA


No meio desta tragédia merdosa pode ser que alguém queira alguma luminosidade, mas... não o creio, isto ,está tudo podre,e só a podridão importa:


GANHAREMOS O INFERNO!

CONTRA A ESCABROSA FOSSA EM QUE QUEREM QUE VIVAMOS -UMA VOZ LIMPA!

FAÇAM O QUE A CONSCIÊNCIA VOS DITA.

andrade  da silva
DIÁRIO:
https://www.youtube.com/watch?v=AWJKPa4iiuE

Angola/Damba

Angola Cavungo celebrando uma vitória da equipa de futebol da companhia.


Festa

Equipa comando companhia Mucaba

sábado, 22 de novembro de 2014

CORRUPÇÃO: MORTE DA MÁTRIA.







A corrupção é a MORTE DA MÁTRIA, que está a ser esquartejada em tortura permanente, pouco a pouco, sadicamente, para que as várias pirâmides de corrupção se anulem umas às outras, e ganhe sempre a atitude anti-democrática,  reaccionária,  protofascista ,isto é, aos inimigos da liberdade cada vez se dá mais instrumentos para que eles possam proclamar que o "jihadismo"é a solução para Portugal.Todavia a solução é o Portugal-Portugal, o Portugal-povo plebeu,o Portugal honesto.

Contrariamente, ao que pensam os inimigos de Liberdade, Portugal não fica órfão com a Prisão dos que destroem a Pátria, Portugal, sim, para se libertar precisa, sim, de um gigantesco Tsunami cívico, civilizacional que pronuncie milhares  e milhares  de agentes políticos que no poder central, regional e nas autarquias, nestas, em alianças com agentes imobiliários e bancos defraudaram   em milhares de milhões de euros o pais,(10.000 possíveis infractores,200 mil milhões de euros em fuga, nas últimas décadas) e todos deviam ser investigados, em simultâneo( e não a conta gotas), condenados e os seus bens arrolados, e só a partir deste ponto será possível, com uma nova elite politica, um Portugal-Português e republicano,até lá mantém-se a choldra, com  sucessivos novos casos que são  biombos para os anteriores

Como disse, aquando das primárias do PS, com as escolhas erradas do PS,o PS ia dar à Costa,  e com este dar à Costa  do PS os coiotes, os inimigos do  Povo e da Liberdade iam tirar partido de tal desastre e a Pátria ia falecendo. Eis...

Perante a catástrofe, uma vez mais, tentamos, alguns, poucos, abrir, em 25 de Abril 2013, novos caminhos com o VIVER ABRIL HOJE (VAHmos)>Construir O  Futuro,todavia por lógicas suicidogénicas ficamos na margem e foi, e  é trágico:GANHAM OS INIMIGOS DO PORTUGAL,  QUERIDO EM ABRIL,pelo genuínos militares  de Abril,livres e independentes de todas  as  cangas.

 O POVO-PLEBEU com novo Projecto e nova liderança nas Presidenciais de 2016, como o tenho dito e retido,perante  califados vários, através, da eleição de um grão-capitão, cidadão-militar,de um Condestável da liberdade e  de Portugal poderá encontrar o caminho para regenerar Portugal....de outro modo.... finisdemocracia, finisdecência, finis Portugal Plebeu e Honesto.

Por Portugal, contra os "jihaditas" e Coveiros da Liberdade e de Portugal VAH(mos)> Construir o Futuro.

Para que conste mais um Grito, para que Portugal Livre não morra,mas...

Há tanto tempo alguns grandes Portugueses falam da Tragédia,... mas os malditos"jahidistas"  degolam, aqui e agora, todas as vozes livres. FP, grandes sacanas e coveiros de Portugal.

andrade da silva

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

AMANHÃ,





AMANHÃ,em Lisboa, as Associações Profissionais de Militares (APM's) esperam reunir centenas de oficiais, sargentos e praças para debate sobre o estado das Forcas Armadas.


Não apareceu a possibilidade de me juntar a todos os camaradas de sempre, a muitos companheiros de luta e a alguns Amigos que para mim nunca tiveram costas; mas, mesmo a milhares de quilómetros não quero deixar de reflectir sobre a importância desta honrada iniciativa das APM's.

No dia 17 de Outubro de 2012 estive presente numa assembleia que contou centenas de oficiais convidados pela respectiva Associação. Ainda sinto a firmeza de algumas intervenções e o entusiasmo da maioria dos presentes. Quando saí e no dia seguinte regressei a casa distante carregava esperança só assombrada pela notável minoria de oficiais do activo na reunião da véspera.

Aquela esperança tem vindo a diminuir porque os chefes militares tudo observam em desgraçado silêncio, os políticos que têm embarcado no carrossel do Poder teimam em não reconhecer alternativas a rotativistas alternantes, o primeiro-ministro parece ignorar os militares que incorporam as Forcas Armadas e deixa o ministro da Defesa fazer o que quer e como quer; o Chefe do Estado e Comandante Chefe expõe preocupantes fraquezas; a corrupção destrói precioso tecido social; as Forcas Armadas parecem desarticuladas, as mulheres e homens que nelas servem sentem-se diminuídos e o sistema de Defesa encontra-se perigosamente enfraquecido; e, sobretudo, a maioria dos Portugueses sofre e os que ainda têm forca para gritar não são ouvidos, a Saúde é degradada, a Escola empobrece e a balança da Justiça continua inclinada.

AMANHÃ,os oficiais não estarão sós. Juntar-se-äo os sargentos e as praças. Sinceramente, espero que desta vez os do activo não sejam minoria.

Daqui faço ardentes votos para que os presentes não se esqueçam que além de militares são homens e mulheres livres e cidadãos inteiros; que se mostrem aptos a constituir uma assembleia sem preconceitos nem mistificações; que sejam capazes de debater assuntos profissionais sem os desligar de todos os que a sociedade civil enfrenta; que não permitam vozes corporativistas abafarem os gritos dos Portugueses que diariamente levam vergastadas de fome e miséria desumanamente desferidas pelos governantes da austeridade; e que não deixem nenhuma voz calada nem tempo interrompido para que da assembleia não saiam acastanhados exemplos que possam entusiasmar os nacionalistas e populistas desejosos de ocupar todos os corredores de S.Bento.

Aos votos, junto a esperança de que amanhã todos os meus camaradas, companheiros e Amigos deixem senso e prudência presidir aos seus trabalhos para que quando terminarem possam dizer alto e claramente, como patriotas que não enjeitam seu juramento, qual é o verdadeiro estado das Forcas Armadas Portuguesas.

Não é tarde para fazer amanhã um dia melhor do que hoje.

Amanhã talvez aumente minha esperança de não morrer longe desesperando por Portugal.


Serafim Silveira Pinheiro

PODEMOS,ASSIM ????????????????



Pois..pois...pois...pois....


 Mas para mim e alguns do VAH, o VAH(mos)> Construir o Futuro,nascido naquele 25 de Abril  2013,era o caminhozinho,sem  plágios, com sóis de Abril de  Abril-Abril:

 O Abril da liberdade, dignidade, desenvolvimento, da justiça social, do povo-plebeu.Neste,  vive   a força, a coragem, a REVOLUÇÃO,  para com o Povo plebeu se vencer a corrupção,este estado podre e discutir,sem amarras, com os Portugueses, em democracia  participativa/directa,como algum MFA fez pelas terras de Portugal, o sistema politico, a Independência nacional,etc

but... 

O querer repetir o mesmo de sempre, é um mero expediente de produção de mais do mesmo,de vitoriazinhas para grupos, e, neste contexto, o nosso inferno e o dos nossos amigos( 6.666.666 portugueses) estão garantidos.

Mas é preciso que os que cantam vitória que o digam já, o que é uma Vitória de Portugal e dos Portugueses: Um Temos de Acreditar em Costa,ou mais uns % de votos neste ou naquele partido com mais 1,2,3 ou  4 deputados?

Que se fale claro!

Quem quiser analisa, quem quiser faz de conta, ou regride e fecha-se no seu pensamento que pode  ser quadrado(?????? )but a Mátria  contempla-nos, não do alto de piramedes, mas do  meio do Povo.

Pacheco Pereira diz, agora  mesmo, dia 20 Novembro, a Costa para: LUTAR, LUTAR, LUTAR...e diz que Costa está a fazer de morto -e é um facto! e, se o fizer, terá uma vitória magra,para seguir caminhos idênticos aos de hoje.

andrade da silva

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

FOLEIRICE PRÉ-HISTÓRICA, IDIOTIA PROFUNDA, COMPORTAMENTO OBSESSIVO-COMPULSIVO PARA A ASNEIRADA.,INEXORAVELMENTE.


















Como é possível falar de poder ,onde, existe em demasia, corrupção, desnorte e completa implosão do Estado,que carece de ser objecto de uma intervenção cirúrgica profunda - REVOLUÇÃO, para extirpar os tumores e o povo-plebeu REGENERAR A MÁTRIA ?????? ??? ?? ???????????????????


andrade da silva

terça-feira, 18 de novembro de 2014

Convocatória de uma Convenção para uma Candidatura Cidadã .


(Símbolo do VAH (Viver Abril Hoje)> Construir o Futuro)

Convocatória:

 Uns dizem que são epifenomenos, talvez o sejam, mas a solução para  Portugal também não tem sido  os negócios da mercearia eleitoral, como se tem visto, logo...

Quem quer passa ao lado, quem quer analisa, e faz o que é certo.

Todavia, o país implode, o PS está nervoso, alguns  socialistas querem,agora, um  milhão de pessoas na rua, junto de Belém, para colocar o PS no poder já; outros, muitos, dizem que TEMOS DE ACREDITAR em António Costa; Marques Mendes dizia para Passos Coelho se mexer se quisesse ganhar as  eleições,agora ,a coisa complicou-se;Vasco Lourenço fala da resignação do PR, mas há quanto tempo isto estava na agenda VAH,(VIVER ABRIL HOJE> CONSTRUIR O FUTURO” .Porém os que não querem um Portugal Português tudo calaram,como sempre o têm feito, mas toda a  vantagem irá para António Costa que não será nem o milagreiro,como Manuel Alegre já avisa,nem, e,infelizmente,  o grão-capitão que a Mátria precisa.


  Seja como for, o VAH, às 0h do dia 25 de Abril 2013, fez um teste  de stresse às Instituições: ao Presidente da República, Parlamento, Partidos, Patriotas ao pedir a demissão deste governo, e só 800 portugueses nobres e heróicos disseram presente, logo...

E o que se teria evitado, perante a actual implosão do estado?

Quem não tem lutado,segundo a segundo, desde 2012/2013 contra esta situação  é CÚMPLICE, e se grita agora,só grita no funeral da Pátria -POBRES DESGRAÇADOS,VERMES!,negociantes perversos, exactamente, assim, porque deixaram matar a Pátria. 

Os burgueses  e os negociantes que querem ficar bem nas imagens em espelho,  usam uma linguagem mais redonda e burilada, mas são pura e simplesmente coniventes no desastre da Pátria.

Todavia, a luta partidária,meramente partidária a actual e de sempre,desde há 40 anos e mesmo  na 1ª República, não é a solução para Portugal. Só um Movimento Nacional Politico-Militar de Revolução para a Regeneração do Estado seria a resposta para Portugal Acontecer.

Como o Presente e o Futuro provam e,cada vez mais, provarão, como toda a documentação,a consciência e auto-consciência (esta não é  uma qualidade Universal) registam,  um VAH de patriotas poderia dar o necessário, fundamental e imperativo contributo para a construção do Futuro.Quem negou força a esta aspiração colocou-se nos lugares sombra, cemitério da História e do  Patriotismo, são responsáveis também pela morte da democracia  e de Abril, que precisa sobretudo para sobreviver do contributo do povo-plebeu que  não são, na sua esmagadora maioria,  militantes. Os militantes, em Portugal, segundo uma estatística generosa, serão de 300 a 400 mil.(4% dos portugueses detentores totais dos poderes politico, sindical e informativo etc.)

A Pátria,Portugal, a Humanidade, exigem,como todos sabem, pensamento critico, coragem,dignidade e não uma mera repetição  mecânica e compulsiva de passados.

Com todo o amor e respeito por todos os sinceros,gloriosos e verdadeiros combatentes pela Causa da Pátria e da Humanidade.

Dos Desertos da liberdade e da Dignidade Pela Pátria e pela humanidade apelo:

VAH(mos)> CONSTRUIR O FUTURO!

PORTUGAL!

andrade da silva

PS:  

QUE PENA NUNCA SE OUVIR A RAZÃO! 

 Petição VIVER ABRIL, HOJE (VAH) exige a demissão do Governo e novas eleições  (2013)

Para: Assembleia da República;Presidente da República

Nós, Portugueses subscritores desta petição, erguemos as nossas vozes contra a destruição das conquistas de Abril,contra todos os que desrespeitam e subvertem a Constituição da República, nos desgovernam  e, impiedosamente, executam políticas ao serviço de complexos, obscuros, desumanos e mesmo criminosos interesses financeiros mundiais


Contra tal tirania e o servilismo de sucessivos governos nos erguemos, pois seé correcto ter as contas do Estado certas, os acertos devem ser feitos onde o desacerto é total.


 

A corrupção tem que ser efectivamente combatida. Os vencimentos e pensões milionárias imorais e a evasão fiscal têm que acabar, e os crimes económicos ede corrupção eficazmente julgados e condenados, terminando com a impunidade dos poderosos que corrói todo o edifício do Estado de Direito e a Democracia. 


É imperativo, ético e nacional lutar com coragem, com todas as forças,sacrifícios e patriotismo, contra o Ultimato em forma de Memorando, com que a União Europeia e o FMI nos espezinham, escravizam e ofendem a nossa dignidade nacional, quando nos colocam sob a governação de uma Troika de funcionários, a quem, o Governo Português, presta vassalagem, em troca de um ferrete financeiro. 

Os subscritores reclamam uma governação patriótica que defenda Portugal e os interesses do seu Povo, que não aniquile a economia real, provocando  desemprego, fome, suicídio, a emigração desesperada dos jovens imposta por desígnios criminosos e de morte, que não ponha gerações contra gerações, que proteja os idosos. 

Que não destrua as conquistas civilizacionais do Estado Social, às quais o 25 de Abril 1974 abriu as portas, em sintonia com toda a Europa, e a soberana decisão do povo confirmou consagrando na Constituição entre outras: a Escola Pública, o Serviço Nacional de Saúde, o Direito ao Trabalho, o Direito à Maternidade, o Direito à Habitação. 

O dramático empobrecimento de Portugal que um Governo teimosa e, doentiamente, violador da Constituição da República, promove, tem de terminar e de novo ser dada a palavra ao Povo. 



Só através de uma participação cidadã e activa da comunidade nacional,encontraremos novo rumo de Governação e política que restitua a Soberania a Portugal e a Dignidade cidadã ao Povo. 

Portugal não pode continuar na rota dos laboratórios internacionais do FMI,União Europeia e outras potências, que enriquecem à custa do empobrecimento dos povos.


 

Nós, Portugueses subscritores desta petição, exigimos que o Governo seja demitido e a realização, urgente, de eleições. 

                

segunda-feira, 17 de novembro de 2014

A VIDA


A vida tem um dado curso que é, o que é.

As crianças devem, com peso e medida, ser esclarecidas do que é a vida,a doença e a morte, e devem,como todos, conhecer e exprimir as emoções  rir, chorar, zangar-se. Chorar é humano.

Aos doentes deve dar-se o apoio possível, mesmo em caso de perda da consciência, em estado de coma: tocar-lhes e falar-lhes

Quando a pessoa querida partir, o melhor amor é continuar a viver a vida, em honra de quem amamos.

No dia de  anos da minha mãe bebo uma taça por ela, e recordar os seus feitos,  é amar.É o  que eles querem que façamos.

 Quero que me recordem com alegria e  com alguma saudade.

É muito importante aceitar a regra da vida que a finaliza com a morte, e fazer de cada dia, um dia de sol . A morte  não o escurece,é uma circunstância da vida.


Não faz sentido sofrer por antecipação. Não faz sentido estar à espera  do apito final: interessa viver  o dia a  dia, AMAR, e quando o apito soar cumpriu-se a vida:cai o pano e, então, será tempo de partir e ser ou não recordado,mas entre o principio e o fim que haja amor,que também existe,quando, anonimamente, nos damos a outrem

LUMINOSIDADE!

andrade da silva

PS:Este texto faz parte de um e-mail que enviei a uma nossa concidadã da Diáspora: filha, mãe, avó, a passar um momento de grande dor, por causa do estado de saúde da sua mãe,e resolvi partilhar, procurando contribuir para atenuar a dor e  ajudar a lidar com as crianças, nestes casos.

sábado, 15 de novembro de 2014

Casanova, destacado dirigente comunista,Tombou!





Conheci, pessoalmente, José Casanova, por causa da apresentação da obra poética de Filipe Chinita, tendo estado presente em alguns eventos culturais por ele dirigidos. Sempre o vi,e reconheci com um espírito aberto e atento a outras opiniões que ouvia com interesse, qualidade maior e superlativa dos que se empenham em melhorar o mundo.


Hoje, na antiga Escola de Administração Militar,como estivéssemos em meio militar,foi-me dito que tinha morrido o Casanova,julguei ser o Casanova Ferreira, e, logo, pensei no episódio de 7 de Março 75 em que queria "bondosamente,pois " baixar, à metralhadora, a tensão popular na avenida Luisa Todi de Setúbal, cheia de gente. Facto a que Zeca Afonso dedica uma canção, pelo que senti o que deveria sentir,porém, este sentimento torna-se,agora, numa lágrima.

Julgo pelo pouco,mas talvez suficiente, que conheço de José Casanova, como a muitos outros militantes do PCP, que o distinguia a grande capacidade da conjugação humilde, revolucionária, humana e, em relação a Portugal patriótica, de considerar os diferentes, por saber que é conjugando esforços que se mudam as coisas. Só com cidadãos com estas práticas se poderá alterar a substância podre e corrupta do actual ESTADO/REPÚBLICA Portuguesa e da Europa.

A todos os familiares, camaradas e amigos próximos de Casanova,como creio ser, o caso do Filipe Chinita o meu grande abraço que peço que transmitam à sua família.Às gente do Couço, com quem tanto estive, também o meu abraço,por perderem fisicamente um dos seus.
andrade da silva

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

CORRUPTOS, E CORRUPTOS E CORRUPTOS E MAIS CORRUPTOS.





Presos e mais Presos,Presos e mais presos.É TEMPO!
Mas deputados,banqueiros,políticos,autarcas quantos e para quando serão julgados e detidos por 15, 20, 25 anos?
E julgamentos e presos depois de julgados acontecerá?
E os governantes que têm praticado gestão odiosa e danosa?
E a gente do BPN, BES,Monte Branco,Socateiro etc.etc.?
Penso que não estarei enganado, mas isto não será só mais um espectáculo?
Fumaça, Fumaça e Fumaça?
Poucos ou nenhuns estão presos,para além do Vale de Azevedo Desgraçado!
Porém,todavia,contudo:INOCENTES TODOS -
Pagam 100,150 mil euros ou mais a dois ou três advogados muito bem conhecidos,e lá vão riquinhos para casa,com menos a prestação que pagaram, legitima e legalmente, (não terão tabelas de honorários, como acontecia com o  outro que trabalhava para a governanta do Feiteirum- ficção -a pobre foi assassinada,por quem??????.....) aos bons escritórios de advogados que fizeram as leis para esta gente se safar..

Pudera!...

andrade da silva

05 - POEMÁRIO * Assim seja!






Que o tempo de hoje se situe e seja o desafio!

Que a folha desprendida ensaie o rodopio!



Que as dores das origens

se evadam nas manhãs

e sangrem as vertigens

nos outonais delíquios das romãs!



Que após o longo tempo em gestação,

das húmidas entranhas brotem lanças!

Lanças subindo, raio acima, a tentação

da luz que vem do céu no olhar duma criança.



Que venha, num sinal tão manso de evangelho,

anunciar o pão,

o pão da fome, o pão do menino e do velho

que, ali no largo, jogam ao pião!





José-Augusto de Carvalho
13 de Novembro de 2014.
Viana*Évora*Portugal

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

LEGIONELLA: AFINAL HAVIA OUTRO!??????




Como em todos os casos de corneamento há sempre um/uma que é o/a último/a a saber, assim foi, com a legionella. Afinal foi ESTE GOVERNO que em 2013 retirou a obrigatoriedade de passar revista à dita legionella a ver se não andava ,por aí, a fazer das suas.Logo este governo,as câmaras e as empresas têm responsabilidade no caso da legionella de Vila Franca.
Pelos mortos um lágrima. Aos doentes melhoras.
E também,hoje,começou, no Parlamento ,o inquérito à leggionella BES. Aqui,nunca se conhecerá quem infectou esta M_rda toda.
Os donos disto tudo safam-se sempre. Que parvalhões somos e seremos,fatal!
Pagamos e Pagaremos- é DOGMA!
Sou BURRO,coloquem-me os cones. JÁ! Como aconselha Filomena Mónica pro Ministro da Educação (?).
Pró carago com esta ....toda!

andrade da silva

PS:FECHEM JÁ a PORCARIA DOS REPUXOS dão despesa, foram para.... e matam as gentes....PORRA! BASTA de....

terça-feira, 11 de novembro de 2014

AMANHÃ, AMANHECERÁ?


Ia falar da legionela familiar –a violência doméstica,dos embutes das telenovelas, das vitimas mulheres ,mulheres matadas, mas também dos homens vitimas silenciosas da tortura paranóica de muitas mulheres,o que, não se prova, porque é verbal, entre dentes, manhosa e sexual  de que o homem machão tem vergonha de denunciar,pobre diabo; ia também falar do crime que está na lei ao proteger ora uns,ora outros torturadores, mas deixando poucas saídas indolores, quase sempre ao homem, que  à luz da lei, quando esta age, é O CULPADO,e, ainda, da culpa instalada nos costumes,no preconceito, mas eis  se não quando, fui conduzido para outro limbo: do AMANHÃ QUE NÂO AMANHECE,e, assim, eis-me:


O alvorecer  virá a  tempo dos meus sobrantes amanheceres?

Estou no campo de batalha, mas para um militar há sempre a estratégia,a táctica, os estudos de situação,as modalidades de acção, as ordens de operações,a liderança,e, sobretudo,  a motivação transcendental do combatente, logo, quando há graves falhas nesta cadeia, o assombramento invade a alma do soldado.

Sou um soldado.

Os corvos voejam baixo,será que buscam já o meu/os nossos corpos mortos?

Outros baladeiros e bandoleiros  dizem coisas outras,  mas...

Só sei que é uma mui nobre honra ser SOLDADO DE, PARA E POR PORTUGAL, DA LIBERDADE ,DA DIGNIDADE DO DESENVOLVIMENTO, isto é, da HUMANIDADE-COSMOS, embora, faleça com tanto eclipse da verdade, mentira, sectarismo e jihadismo politico.

Como não alinho na verborreia de pacotilha que ecoa,fico no deserto, mas GRITO, LADRO !E sei que a verborreia passará, os seus donos se esconderão, e o povo exangue sofre e sofrerá, enquanto, os funcionários da politica funcionalizam tudo:é fácil,muito fácil, para eles serem vermes.

Andemos! Nunca ninguém disse ou dirá isto,também não o disse, claro,nem nunca o direi,é óbvio -Pudera!...coisas!

andrade da silva